Páginas

2 de jun de 2011

Quem nunca sentiu vontade de voltar atrás? Naquelas horas em que tu se vê sozinho, e daria tudo para mudar as coisas… Aquelas horas em que você tem vontade de sumir do teu estado atual e da tua rotina entediante e simplesmente reaparecer em um período de tempo que se auto-denominava feliz. Ou talvez seja mais fácil querer sentir tudo de novo… Sentir que você ama alguém e que é recíproco, sentir que você não está tão sozinho. É que às vezes acho que cansa ver cada pedacinho do teu coração partido continuar amando um mesmo alguém, ainda que esse alguém tenha te feito sofrer tanto assim. O incrível é que nada disso te impede de querer ele de volta, nada disso faz com que a saudade estagnada lá dentro suma de vez. Isso soa tão masoquista, afinal, você sempre continuará lá amando alguém, não importa o que ele faça, não importa o quanto ele te magoe, não importa o que ele fale, não importa como ele te trate… Você sempre vai o amar. Pode chegar em casa, chorar e afirmar: “Irei esquecer”; mas no outro dia, quem te garante que você não vai estar lá o amando novamente? E você sabe que mesmo sofrendo… A famosa nostalgia nunca irá te deixar; aquela nostalgia que dói, mais do que a saudade, mais do que um joelho ralado, mais do que a droga de um coração partido ..,Não precisa se esforçar querendo me dar mais atenção, mais carinho e mais amor. Isso não vai ser suficiente. Eu quero ser seu único, e sei que isso é impossível. Não se esforce atoa, eu vou ter de desistir de qualquer jeito, tô só acumulando força pra isso .

Nenhum comentário:

Postar um comentário